Dilma rebate críticas sobre atraso nas obras para duplicação da BR-381

dilmaA presidente Dilma Rousseff esteve na tarde desta segunda-feira (12) em Ipatinga, Leste de Minas Gerais , para assinar a ordem de serviço do início da duplicação da BR-381. Em seu discurso, a presidente rebateu críticas que disse ter sofrido quanto ao atraso nas obras da rodovia.

"Aqueles que criticam o atraso da BR-381, por que não respondem o porque não fizeram a rodovia antes?! Eles estiveram a frente do Governo Federal por oito anos e nada fizeram. Podem até me criticar, mas deveriam responder essa pergunta antes", disse a presidente.

Dilma chegou acompanhada pelo ministro dos Transportes César Borges no aeroporto da cidade por volta das 15h e seguiu direto para o estádio João Lamego Neto, conhecido como Ipatingão, onde acontece o evento.

A chefe do executivo federal afirmou que, além de assinar, "vai acompanhar de perto as obras, junto ao Dnit [Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes], os órgãos responsáveis e as empresas licitadas".

A duplicação e restauração da BR-381 englobará os 303 quilômetros de extensão da rodovia desde Belo Horizonte até Governador Valadares. De acordo com o Dnit, estão previstos a construção de cinco túneis, 34 pontes, 66 viadutos,  31 passarelas, 150 paradas de ônibus e a construção de 133.800 metros de defensas, além da restauração da pista atual.

Segundo o Governo Federal, a duplicação da rodovia terá um investimento de R$ 2,5 bilhões, sendo R$ 1,33 bilhão referente a ordem de serviço de cinco dos 11 lotes já licitados. A previsão para o termino das obras dos dois primeiros lotes é para o primeiro semestre de 2016; já as dos demais três lotes, para o primeiro semestre de 2017.

"O trânsito intenso e o traçado perigoso da #BR381 deu a ela o triste apelido de Rodovia da Morte. Volto a MG p/ mudar essa história", publicou a presidente em seu Twitter oficinal no início da tarde.

O anúncio da duplicação até a cidade de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, foi feito pela presidente em fevereiro deste ano, durante a formatura do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na cidade.

PSDB responde

Logo após o discurso, o presidente do PSDB em Minas Gerais, deputado federal Marcus Pestana, emitiu nota rebatendo as críticas de Dilma ao governo estadual. No texto, ele diz que a duplicação da BR-381, entre BH e Governador Valadares, tem sido prometida pelos governos petistas desde 2003, mas até hoje não foi cumprida.

"Já em plena campanha eleitoral antecipada para sua própria reeleição, ela veio anunciar o começo da duplicação da BR 381 [...] na verdade, se tudo der certo, a obra só ficará pronta no próximo governo, quem sabe lá para 2016 ou 2017", diz a nota.

Pestana diz que 483 quilômetros haviam sido prometidos em 2003, incluindo trecho que vai de Governador Valadares até o Espírito Santo, e que a duplicação será efetiva em apenas 169 quilômetros. Em outros 285 quilômetros, afirma, não haverá duplicação e em 135 quilômetros, haverá apenas melhorias na estrada.

Do total de 920 quilômetros da rodovia que cruzam Minas, ele sustenta que durante o governo FHC, 467 quilômetros foram duplicados.

Protestos

Cerca de 50 manifestantes permaneceram do lado de fora do estáfio João Lamego Neto e com faixas pedem o reajuste do benefício dos aposentados e pensionistas de Ipatinga (AAPI).

Partilhar
© 2012 | Portal Vargem Grande todos os direitos reservados desenvolvido por: Grupo Mega Music Soluções em Informática